Pular para o conteúdo principal

POSTAGEM EM DESTAQUE

Apresentamos a equipe conceitual da 36ª Bienal de São Paulo

          36ª bienal       de  São Paulo Visualizar como  página web Ministério da Cultura, Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria da Cultura, Economia e Indústria Criativas, Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo, Fundação Bienal de São Paulo e Itaú apresentam Conheça a equipe que levará a cabo a 36ª Bienal de São Paulo Da esquerda para a direita, Keyna Eleison, Anna Roberta Goetz, Bonaventure Soh Bejeng Ndikung, Alya Sebti, Thiago de Paula Souza e Henriette Gallus, equipe conceitual da 36ª Bienal de São Paulo © Fundação Bienal de São Paulo Enquanto a 35ª Bienal segue seu ciclo de itinerância, a Fundação Bienal já se prepara para a próxima edição da mostra. A equipe conceitual, montada por  Bonaventure Soh Bejeng Ndikung , é composta pelos cocuradores  Alya Sebti ,  Anna Roberta Goetz  e  Thiago de Paula Souza , a cocuradora at large  Keyna Eleison  e a consultora de comunicação e estratégia  Henriette Gallus . Ainda neste ano, serão anunciados novos membros da e

BIENAL - PROGRAMAÇÃO - 25 OUT - 28 OUT


25/10 (quinta-feira)

10h [ATIVAÇÃO DE OBRA]

Looking At Listening (2011) - experiência sonora e visual
Em Looking At Listening (2011/2012) os artistas Ei Arakawa e Sergei Tcherepnin criaram um ambiente onde os visitantes são convidados a explorar a escuta ao manipular dispositivos na obras com a assistência de educadores. Alto-falantes colocados atrás de painéis de metal produzem sons que, quando ativados, invadem a obra com ondas sonoras.
Local: Casa Modernista
Endereço: Rua Santa Cruz, 325 - Vila Mariana
Informações: 55 11 5576 7600 ou contato@bienal.org.br
13h – [PERFORMANCES]

Tudo em sua mente. Viagem em dois atos. (2012)
Em seu trabalho desenvolvido para a 30ª Bienal, o artista argentino Leandro Tartaglia elaborou uma viagem em dois atos que parte do Pavilhão da Bienal. Cada trecho de viagem dura aproximadamente 20 minutos e é acompanhado por um audio. No meio da viagem, o participante sai do carro em frente à Capela Morumbi, espaço que integra uma instalação sonora da artista Maryanne Amacher. Duração total da viagem: 1 hora. Distribuição de senhas no local 1h antes do evento. Entrada gratuita.
Local: Pavilhão da Bienal - Saída
Informações: 55 11 5576 7600 ou contato@bienal.org.br

15h [ATIVAÇÃO DE OBRA]

Looking At Listening (2011) - experiência sonora e visual

15h – [ATIVAÇÃO DE OBRA]

Dance Constructions - Performance de dança em colaboração com artistas e bailarinos de São Paulo
A série Dance Constructions (1961) da artista e coreógrafa americana Simone Forti é baseada na improvisação e no acaso. Em colaboração com bailarinos e artistas da cidade de São Paulo três obras serão ativadas na Bienal - Huddle, Slant Board e Hangars (todos de 1961).
Local: Pavilhão da Bienal - Simone Forti
Informações: 55 11 5576 7600 ou contato@bienal.org.br

26/10 (sexta-feira)

10h [ATIVAÇÃO DE OBRA]
Looking At Listening (2011) - experiência sonora e visual
Em Looking At Listening (2011/2012) os artistas Ei Arakawa e Sergei Tcherepnin criaram um ambiente onde os visitantes são convidados a explorar a escuta ao manipular dispositivos na obras com a assistência de educadores. Alto-falantes colocados atrás de painéis de metal produzem sons que, quando ativados, invadem a obra com ondas sonoras.
Local: Casa Modernista
Endereço: Rua Santa Cruz, 325 - Vila Mariana
Informações: 55 11 5576 7600 ou contato@bienal.org.br

13h – [PERFORMANCES]

Tudo em sua mente. Viagem em dois atos. (2012)
Em seu trabalho desenvolvido para a 30ª Bienal, o artista argentino Leandro Tartaglia elaborou uma viagem em dois atos que parte do Pavilhão da Bienal. Cada trecho de viagem dura aproximadamente 20 minutos e é acompanhado por um audio. No meio da viagem, o participante sai do carro em frente à Capela Morumbi, espaço que integra uma instalação sonora da artista Maryanne Amacher. Duração total da viagem: 1 hora. Distribuição de senhas no local 1h antes do evento. Entrada gratuita.
Local: Pavilhão da Bienal - Saída
Informações: 55 11 5576 7600 ou contato@bienal.org.br

15h [ATIVAÇÃO DE OBRA]

Looking At Listening (2011) - experiência sonora e visual
18h – [ATIVAÇÃO DE OBRA]
Dance Constructions - Performance de dança em colaboração com artistas e bailarinos de São Paulo
A série Dance Constructions (1961) da artista e coreógrafa americana Simone Forti é baseada na improvisação e no acaso. Em colaboração com bailarinos e artistas da cidade de São Paulo três obras serão ativadas na Bienal - Huddle, Slant Board e Hangars (todos de 1961).
Local: Pavilhão da Bienal - Simone Forti
Informações: 55 11 5576 7600 ou contato@bienal.org.br

20h – [DEBATE]
Conversa de artista com professores
Encontros entre artistas e professores para conversa sobre a vida e a arte contemporânea.

Lotação: 40 pessoas
Entrada gratuita
Local: Ateliê Educativo - Pavilhão Bienal
Informações: 55 11 5576 7600 ou contato@bienal.org.br

27/10 (sábado)

10h [ATIVAÇÃO DE OBRA]

Looking At Listening (2011) - experiência sonora e visual
Em Looking At Listening (2011/2012) os artistas Ei Arakawa e Sergei Tcherepnin criaram um ambiente onde os visitantes são convidados a explorar a escuta ao manipular dispositivos na obras com a assistência de educadores. Alto-falantes colocados atrás de painéis de metal produzem sons que, quando ativados, invadem a obra com ondas sonoras.
Local: Casa Modernista
Endereço: Rua Santa Cruz, 325 - Vila Mariana
Informações: 55 11 5576 7600 ou contato@bienal.org.br

11h – [ENCONTROS]

Leitura de poesia para crianças e famílias.
Aos sábados pela manhã as crianças serão convidadas a conhecer e se divertir pelo universo da poesia. 
Lotação: 40 pessoas
Entrada gratuita
Local: Ateliê Educativo - Pavilhão Bienal
Informações: 55 11 5576-7611 ou educativo@bienal.org.br

11h – [ATELIÊS] Ateliê com artista convidado
Aos sábados serão convidados artistas que oferecerão oficinas aos visitantes da mostra nos Ateliês do Educational Team of Bienal. 

Lotação: 40 pessoas
Entrada gratuita
Local: Ateliê Educativo - Pavilhão Bienal
Informações: 55 11 5576-7611 ou educativo@bienal.org.br

15h – [ATIVAÇÃO DE OBRA]

Dance Constructions - Performance de dança em colaboração com artistas e bailarinos de São Paulo
A série Dance Constructions (1961) da artista e coreógrafa americana Simone Forti é baseada na improvisação e no acaso. Em colaboração com bailarinos e artistas da cidade de São Paulo três obras serão ativadas na Bienal - Huddle, Slant Board e Hangars (todos de 1961).
Local: Pavilhão da Bienal - Simone Forti
Informações: 55 11 5576 7600 ou contato@bienal.org.br

15h [ATIVAÇÃO DE OBRA]

Looking At Listening (2011) - experiência sonora e visual

15h – [PERFORMANCES]
Tudo em sua mente. Viagem em dois atos. (2012)
Em seu trabalho desenvolvido para a 30ª Bienal, o artista argentino Leandro Tartaglia elaborou uma viagem em dois atos que parte do Pavilhão da Bienal. Cada trecho de viagem dura aproximadamente 20 minutos e é acompanhado por um audio. No meio da viagem, o participante sai do carro em frente à Capela Morumbi, espaço que integra uma instalação sonora da artista Maryanne Amacher. Duração total da viagem: 1 hora. Distribuição de senhas no local 1h antes do evento. Entrada gratuita.
Local: Pavilhão da Bienal - Saída
Informações: 55 11 5576 7600 ou contato@bienal.org.br

17h – [PERFORMANCES]

ARCHICACTUS (outgrow/autogrow), 2012
A partir da sua obra ARCHICACTUS (outgrow/autogrow), 2012, instalada na Casa Modernista, Sergei Tcherepnin e Ei Arakawa apresentam na casa em seu jardim.
Local: Casa Modernista
Endereço: Rua Santa Cruz, 325 - Vila Mariana
Informações: 55 11 5576 7600 ou contato@bienal.org.br

28/10 (domingo)

11h - [PERFORMANCES]

Narração de histórias - performance cênica e musical
Narração de histórias, apresentações musicais e brincadeiras.

Lotação: 40 pessoas
Entrada gratuita
Local: Ateliê Educativo - Pavilhão Bienal
Informações: 55 11 5576 7600 ou contato@bienal.org.br
15h – [ATIVAÇÃO DE OBRA] Dance Constructions - Performance de dança em colaboração com artistas e bailarinos de São Paulo
A série Dance Constructions (1961) da artista e coreógrafa americana Simone Forti é baseada na improvisação e no acaso. Em colaboração com bailarinos e artistas da cidade de São Paulo três obras serão ativadas na Bienal - Huddle, Slant Board e Hangars (todos de 1961).
Local: Pavilhão da Bienal - Simone Forti
Informações: 55 11 5576 7600 ou contato@bienal.org.br

15h – [PERFORMANCES]

Tudo em sua mente. Viagem em dois atos. (2012)
Em seu trabalho desenvolvido para a 30ª Bienal, o artista argentino Leandro Tartaglia elaborou uma viagem em dois atos que parte do Pavilhão da Bienal. Cada trecho de viagem dura aproximadamente 20 minutos e é acompanhado por um audio. No meio da viagem, o participante sai do carro em frente à Capela Morumbi, espaço que integra uma instalação sonora da artista Maryanne Amacher. Duração total da viagem: 1 hora. Distribuição de senhas no local 1h antes do evento. Entrada gratuita.
Local: Pavilhão da Bienal - Saída
Informações: 55 11 5576 7600 ou contato@bienal.org.br

15h – [DEBATES]

Falar imagens
Um laboratório de leituras das obras da exposição será oferecido aos visitantes da mostra pela equipe de coordenação do educativo.

Lotação: 40 pessoas
Entrada gratuita
Local: Ateliê Educativo - Pavilhão Bienal
Informações: 55 11 5576 7600 ou contato@bienal.org.br


16h – [PERFORMANCES]

Music Sideways / Cânomes para três vozes (sem fim) - Performance musical de Athanasios Argianas
Music Sideways é uma peça musical escrita sob a forma de um cânone clássico. Um cânone é uma composição polifônica em que as vozes imitam a linha melódica cantada por uma primeira voz, entrando cada voz, uma após a outra, uma retomando o que a outra acabou de dizer, enquanto a primeira continua o seu caminho. A ligação entre esta forma sistemática bastante antiga de escrever música e estratégias modernistas de sistemas de geração é implícita, tanto como é a estrutura cíclica em que ela resulta; as três vozes estão na mesma linha melódica, iniciado com 3 diferentes pontos no tempo, assim, com três começos e sem fim definido. O espetáculo vai acontecer em diferentes espaços da Bienal, sem aviso prévio. Os três cantores simplesmente se encontram formando um triângulo e cantam o cânone por três minutos em diferentes momentos.
Local: Pavilhão da Bienal - Instalação de Athanasios Argianas e outros espaços no Pavilhão
Informações: 55 11 5576 7600 ou contato@bienal.org.br

Comentários